A sua empresa possuí estoque? Você mantém um gestão de estoques de qualidade? Neste artigo você poderá encontrar dicas de como fazer um bom gerenciamento do seu estoque. Veja quais são as 5 principais falhas no gerenciamento de estoque. 

O que você irá ver:

  • O que é gestão de estoques?
  • Gerenciamento de estoque
  • Benefícios 
  • 5 falhas no gerenciamento de estoque
  • Métodos utilizados para gestão de estoques
  • Conclusão

O que é gestão de estoques? 

A sua empresa tem um estoque? Você consegue fazer a gestão adequadamente? Possuí um inventario? Essas e outras questões são fundamentais para planejar um estoque que atenda as necessidades da sua empresa. 

Gestão de estoque é organizar e saber o que há no seu estoque, o que falta, o que sobra, o que se perdeu e o que pode vender. O planejamento do seu estoque é o seu principal meio de lucro pois através dele que saí suas mercadorias para vender. 

Imagine que sua empresa segue no ramo de venda de produtos, você deve manter o estoque sempre atualizado conforme as demandas para que não perca dinheiro evitando que o caixa fique negativo no final do mês. 

Gerenciamento de estoque

A dificuldade para o gerenciamento de estoque, é um dos muitos indicadores de perda de dinheiro. Isso devido a não saber o que pode ser vendido por estar sobrando ou faltando. Se faz o gerenciamento de estoque para ter o controle de todos os produtos da empresa. 

Quando um estoque encontra-se organizado é possível identificar qual produto necessita repor e qual não é necessário comprar por um período. 

“DICA”

Estoque parado: você tem uma grande demanda do mesmo produto parado no seu estoque? Melhor se livrar dele fazendo uma super promoção ou uma liquidação. Sendo assim, você abrirá espaço para entrar novos produtos no seu estoque e se livrando do que ficou parado. 

Uma excelente maneira de organizar o seu estoque é dividi-lo em categorias, podendo ser elas:

  • Ordem alfabética 
  • Ordem com frequência de saída 
  • Ordem com frequência de entrada 
  • Próximos de vencer 

Benefícios

Vamos falar sobre as vantagens em ter uma gestão de estoques, quando você promove uma gestão de qualidade os benefícios tendem a aumentar na sua empresa.

Veja abaixo alguns dos benefícios: 

Otimização dos processos

Tempo é dinheiro, se você perder tempo estará perdendo dinheiro!  Quando você tem sob controle o estoque, é eliminado todo o trabalho de procura por produtos ou caixas. Otimizar por categoria separando cada coisa no seu devido lugar ficará mais fácil de acessar o que deseja. 

Uma das maneiras mais utilizadas para o gerenciamento do estoque é o Checklist no próprio sistema da empresa, evitando a perca dos papeis e mantendo de fácil acesso para todos da empresa que trabalham nesse setor. 

Evitando falhas

Quando você mantém um gestão de estoques de qualidade, você consegue evitar erros que podem prejudicar o seu negócio. Pode ser a falha mais simples que tiver mas se for recorrente poderá agravar ainda mais com o tempo colocando em risco o estoque ou até mesmo a empresa. 

Lembre-se, que falhas podem acontecer mas não com frequência. Se for frequente pode prejudicar dados, financeiro da empresa e até mesmo espantar os clientes. 

Evitando prejuízos   

A gestão de estoques é sua aliada para evitar os prejuízos na sua empresa. Através dela você consegue acompanhar prazos, vencimentos, atrasos, pode identificar suas perdas e o que mais tem vendido nos últimos períodos. 

É preciso ter claro qual o momento ideal de fazer a reposição do estoque e do que repor, para que não faça compras sem precisar. Uma dica é trabalhar em equipe com todos da empresa para uma melhor gestão de estoques

5 falhas no gerenciamento de estoque

O gerenciamento de estoque requer habilidade e tempo. Por ser um espaço de movimentação diária dentro da empresa é comum que ocorra mudanças ao decorrer do dia. Manter atualizado os dados  do estoque é fundamental para a organização e gestão do mesmo.

1. Falha na segurança do estoque 

O estoque ou deposito como é conhecido popularmente é o local destinado a guardar as suas mercadorias, manter o local seguro é uma das medidas que pode ser adotadas para evitar o acesso de qualquer pessoa indevida ou até furtos. 

Um dos métodos de segurança poderia ser:

  • Câmeras de segurança 
  • Fiscal para o estoque 
  • Senha para o acesso

Lembre-se: sempre é melhor estar prevenido do que esperar acontecer para prevenir-se. 

2. Armazenamento inadequado 

O estoque é um local para armazenar suas mercadorias que serão vendidas. Você manter um armazenamento inadequado para os produtos, pode muitas vezes danifica-los ou gerar perca total. Imagine, um supermercado que não tenha sob controle a temperatura do seu estoque, todos os dias o supermercado terá de enfrentar com números negativos, percas e grandes prejuízos. 

Para prevenir perdas, recomenda-se conversar com o fabricante para saber qual seria a temperatura ideal para o local, onde irá armazenar aquele produto. 

3. Deixar de conferir 

Para evitar equívocos é necessário conferir todas as mercadorias do seu estoque nas datas pré determinadas, para que assim seja declarado o que falta, o que sobra, o que precisa repor e o que está próximo do vencimento. 

Lembre-se: É importante manter atualizado tanto o estoque físico quanto o estoque virtual. 

4. Comprar sem precisar 

Essa falha é uma das mais comuns de acontecer e ao mesmo tempo é uma das mais fáceis de serem evitadas. Isso porque basta apenas uma revisão no seu estoque, e uma sincronização de dados compartilhados entre todos os envolvidos no estoque. 

Imagine que você compre uma grande quantidade x de produtos todos os meses e que nesse mês o mesmo produto vendeu menos do que o comum. 

Você sem atentar-se a olhar para o seu estoque e compra centenas do mesmo produto. Isso não levará ao sucesso, mas sim ao prejuízo. Evite comprar o desnecessário! 

5. Falta de planejamento 

Essa última falha é o que mais acontece dentro das empresas, ausência de planejamento no estoque não influencia apenas na falta dos produtos. Influencia também no sucesso do seu negócio. 

Ter um planejamento do que será comprado, o que será repostos e até mesmo o que não precisa ser comprado. O planejamento não para por aqui, você pode controlar as entradas e saídas de mercadorias do seu deposito para que fique ciente do que está sendo vendido e do que está sendo esquecido para uma melhor gestão de estoques no seu negócio. 

Métodos utilizados para  gestão de estoques

Existem métodos para uma boa gestão de estoques, abaixo você poderá entender cada uma delas. Esses métodos são um dos mais utilizados nas empresas atualmente.

PEPS – primeiro a entrar, primeiro a sair

Você já ouviu falar dessa maneira de gestão de estoques? É um método simples mas que as grandes empresas tem adotado cada vez mais. 

Esse método visa em vender as mercadorias mais antigas primeiro, ou seja aquilo que acabou de chegar na empresa só será vendido quando o produto mais antigo já estiver saído da loja. Foi o primeiro a entrar, será o primeiro a sair.  Esse método é utilizado muito em supermercados, distribuidoras e outros. 

UEPS – último a entrar, primeiro a sair

Esse método é o inverso do primeiro, ou seja tudo que entrar por ultimo, sairá primeiro. Empresas que trabalham com produtos perecíveis não é recomendado utilizar esse método já que perde rapido. 

Exemplos: frutarias, padarias e outros 

Existem outros métodos que podem auxiliam na gestão de estoques da sua empresa, tais como just in time que seria no momento exato e o custo médio. É importante que você tenha um método de gestão de estoques na sua empresa para um melhor controle das mercadorias. 

Conclusão 

A gestão de estoques é fundamental para o controle e uma maior otimização do tempo na sua empresa. Estar ciente do que entra e do que saí é um controle que toda empresa deverá ter. 

Cuidar do estoque para evitar gastos com mercadorias desnecessárias e repor o que realmente for necessário.  Procure evitar erros na gestão de estoques como deixar de conferir, comprar sem precisar e entre outros. 

Fonte: Marbo Contábil