INSS: mais de 7 milhões de aposentados ainda não fizeram prova de vida

Quem não fizer o procedimento poderá ter o benefício suspenso temporariamente

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) exige que anualmente o segurado realize a prova de vida ou seja, atualize o seu cadastro para evitar fraudes e pagamentos indevidos.

Segundo informações do INSS, mais de 7 milhões de aposentados e pensionistas ainda não realizaram a prova de vida. Quem não fizer o procedimento poderá ter o benefício suspenso temporariamente.

No momento, o Instituto está recebendo os documentos dos nascidos nos meses de setembro e outubro que ainda não realizaram a prova de vida em 2020. No ano passado, a Previdência Social suspendeu o procedimento devido à pandemia do novo coronavírus.

Em junho deste ano, o procedimento voltou a ser exigido novamente pelo INSS. A prova de vida poderá ser feita pelo aplicativo Meu INSS ou nas agências do Instituto Nacional do Seguro Social. Também é possível atualizar os documentos em agências bancárias (onde o segurado recebe o seu benefício).

Documentos exigidos

Documento de identificação com foto, como o RG ou a CNH; e
Cartão utilizado para sacar os pagamentos.

Calendário Prova de Vida

Dica Extra do Jornal Contábil: Compreenda e realize os procedimentos do INSS para usufruir dos benefícios da previdência social. 

Já pensou você saber tudo sobre o INSS desde os afastamentos até a solicitação da aposentadoria, e o melhor, tudo isso em apenas um final de semana? Uma alternativa rápida e eficaz é o curso INSS na prática

Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que você precisa saber para dominar as regras do INSS, procedimentos e normas de como levantar informações e solicitar benefícios para você ou qualquer pessoa que precise. 

Não perca tempo, clique aqui e domine tudo sobre o INSS.

Comentários estão fechados.