A aposentadoria por invalidez é concedida nos casos em que o trabalhador sofreu alguma sequela em sua saúde, por consequência das atividades exercidas no meio profissional. Um dos requisitos principais, é o tempo de contribuição, que deve ser de (no mínimo), 12 meses.

O salário do aposentado inválido terá um valor mensal de 100% de seu salário benefício, ou seja, ele irá ganhar a mesma coisa que ganhava quando exercia a profissão de carteira assinada, já que nessa situação, não é válido o fator previdenciário, que geralmente diminui ou aumenta o valor do benefício por conta da idade.

No entanto, se o segurado necessitar de um acompanhamento permanente, que irá o auxiliar nas atividades do dia a dia, ele terá direito a um acréscimo de 25% no valor da renda mensal. Mas para isso, é preciso uma declaração feita por perícia médica, que irá revelar se realmente há necessidade desse apoio.



Dica extra: Compreenda e realize os procedimentos do INSS para usufruir dos benefícios da previdência social.

Já pensou você saber tudo sobre o INSS desde os afastamentos até a solicitação da aposentadoria, e o melhor, tudo isso em apenas um final de semana?

Uma alternativa rápida e eficaz é o curso INSS na prática: Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que você precisa saber para dominar as regras do INSS, procedimentos e normas de como levantar informações e solicitar benefícios para você ou qualquer pessoa que precise. Não perca tempo, clique aqui e domine tudo sobre o INSS.



Conteúdo original Melo Advogados

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.