PF prende quadrilha por sonegação de impostos em Viracopos

A Polícia Federal de Viracopos prendeu em flagrante dois despachantes aduaneiros, um funcionário do aeroporto e um comerciante por descaminho – importação de produtos sem o pagamento dos tributos – e associação criminosa, em Campinas (SP). A ação conjunta da PF com a Receita Federal aconteceu na noite de sexta-feira (26), mas só foi divulgada nesta segunda-feira (29).

Desde novembro, a Receita Federal monitorava três cargas importadas de Miami por uma empresa com sede no Rio de Janeiro. No entanto, no dia 11 de dezembro, ao solicitar a movimentação de uma dessas mercadorias, a entidade percebeu que ela havia sido retirada do armazém, com a participação de um funcionário do aeroporto, sem o devido trâmite aduaneiro. Segundo a PF, a partir disso teve início uma ação integrada, que contou também com a colaboração da administradora de Viracopos.

Eletrônicos
Na sexta-feira, as outras duas cargas monitoradas, avaliadas em 3 milhões de dólares e compostas na sua maioria, segundo a PF, por produtos eletrônicos, foram transferidas por intermediação do funcionário do aeroporto para um caminhão sem o devido procedimento aduaneiro.

Anúncios

Quando o caminhão deixou o terminal de cargas, os policiais federais abordaram o veículo e constataram o descaminho. Em seguida, descobriram que um comerciante aguardava as mercadorias em um veículo estacionado nas proximidades. De acordo com a PF, ele estava com R$ 26, 2 mil e US$ 18,6 mil em espécie.

Os quatro envolvidos no esquema foram presos em flagrante pela prática de descaminho e associação criminosa e encaminhados à cadeia pública de Campinas.

 

bannerpaypaeq

 

Comente no Facebook

Comentários

Facebook Comments Plugin Powered byVivacity Infotech Pvt. Ltd.