PIS: Pagamento pelo app Caixa começa hoje

0

A Caixa começa hoje o pagamento do abono salarial do PIS por meio da poupança digital da Caixa. Nesta terça-feira (8) recebem os trabalhadores nascidos entre julho e novembro que não têm outro tipo de poupança ou conta corrente do banco, e ainda não sacaram o benefício.

A Caixa anunciou na semana passada o início dos pagamentos do abono por meio da poupança digital, que pode ser acessada pelo app Caixa Tem (disponível para Android e iOS)

app caixa

Também recebem hoje os que nasceram nesses meses e tiveram as declarações da Rais (Relação Anual de Informações Sociais) referentes a 2019 entregues fora do prazo ou retificadas pelos empregadores.

Os demais trabalhadores receberão por meio da poupança digital conforme o seguinte calendário.

Calendário do pagamento do abono na poupança digital

Nascidos em:Recebem a partir de:
Julho, agosto, setembro, outubro e novembro8/12/2020
Dezembro15/12/2020
Janeiro e fevereiro19/1/2021
Março e abril11/2/2021
Maio e junho17/3/2021

Como usar a poupança digital? As contas digitais são gratuitas e abertas automaticamente, sem ser necessário apresentar documentos ou ir a uma agência. Para movimentar os valores, é preciso usar o aplicativo Caixa Tem, o mesmo do auxílio emergencial e do saque de até R$ 1.045 do FGTS.

Para quem já tem conta na Caixa muda algo? Para quem já tem conta na Caixa, nada muda. O pagamento será feito nas contas existentes e os valores poderão ser movimentados com o cartão da conta, internet banking ou app da Caixa.

Quem tem direito ao abono? O pagamento do abono salarial do PIS/Pasep é para quem trabalhou com carteira assinada ou como funcionário público em 2019. Para ter direito, é preciso preencher alguns requisitos, como ter recebido em média até dois salários mínimos por mês.

Qual é o valor do abono? O valor pago é de até um salário mínimo (R$ 1.045) e varia de acordo com o tempo trabalhado. Se a pessoa trabalhou o ano todo, recebe um salário mínimo. Se trabalhou um mês, ganha proporcionalmente: 1/12 do mínimo.

Quem tem direito a sacar o abono?

  • Quem trabalhou com carteira assinada por pelo menos 30 dias em 2019
  • Ganhou, no máximo, dois salários mínimos por mês, em média
  • Está inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos
  • É preciso que a empresa onde trabalhava tenha informado os dados corretamente ao governo

Como saber se tenho direito?

Para saber se tem direito ao abono salarial, é possível fazer a consulta das seguintes maneiras:

PIS (trabalhador de empresa privada):

Pasep (servidor público):

  • Pelos telefones da central de atendimento do Banco do Brasil: 4004-0001 (capitais e regiões metropolitanas); 0800 729 0001 (demais cidades) e 0800 729 0088 (deficientes auditivos)

Abonos salarias antigos podem ser sacados

O último calendário de saque do abono, referente ao ano de trabalho de 2018, terminou em 29 de maio de 2020. Quem tinha direito mas deixou passar poderá sacar seguindo o calendário novo, ou no prazo de cinco anos.

Segundo o Ministério da Economia, não é preciso entrar na Justiça para ter direito. Correntistas da Caixa e do Banco do Brasil com direito à antecipação tiveram os créditos depositados em conta em 30 de junho, e os demais trabalhadores poderão fazer o saque conforme o calendário acima.