Quem está com o nome negativado pode fazer consórcio?

Muitas pessoas optam por pedir um consórcio no momento de adquirir de algum bem, seja uma casa, um carro ou até um apartamento. 

Mas você já passou ou conhece alguém que passou pela situação de pedir um consórcio e descobrir que o nome está sujo no mercado

Infelizmente, isso pode acontecer e trata-se de uma negativação indevida.

Porém, em outros casos, pode acontecer do consumidor já saber que está com o nome negativado e, ainda sim, precisar fazer um consórcio.

Geralmente, um consórcio pode ser feito por qualquer pessoa que tenha interesse.

Dessa forma, em casos de pessoas com nome sujo, as administradoras farão uma análise mais criteriosa do seu caso para permitir a contemplação da carta de crédito. 

Além disso, é importante ressaltar que é essencial que você mantenha os pagamentos em dia para participar das assembleias.

Então, se você quer saber como conseguir um consórcio, mesmo com o nome sujo, é só continuar lendo!

Afinal, quem tem nome sujo pode fazer consórcio normalmente?

Confira a seguir as principais informações sobre consórcio e nome sujo!

O que é o consórcio?

O consórcio é uma modalidade de pagamento que consiste na junção de pessoas que possuem o objetivo de adquirir um bem ou serviço. 

Após a contemplação de um consórcio de apartamento, por exemplo, todos os participantes do consórcio terão o crédito necessário, por meio da carta de crédito, para obter o apartamento. 

Como funciona o consórcio?

Demos o exemplo de um consórcio de apartamento, mas um consórcio pode ser de carro, moto, imóveis no geral e até de serviços.

Dessa forma, no final, o objetivo é o mesmo e os participantes terão o crédito para a aquisição do seu objetivo.

Porém, importante lembrar que todos os participantes precisam pagar uma mensalidade referente ao crédito do consórcio. 

Sendo assim, para participar das assembleias e dos sorteios de contemplação, é preciso que o participante esteja com as mensalidades em dia.

As assembleias, que acontecem mensalmente, sorteiam um participante por vez para receber a carta de crédito referente àquele mês, até que ao final dos meses, todos são contemplados. 

O consumidor perde o consórcio se não pagar as mensalidades?

Caso algum participante atrase o pagamento da mensalidade, o mesmo fica fora do sorteio do mês, até ficar em dia novamente com os pagamentos. 

Sendo assim, para participar dos sorteios e ter a chance de receber um carro, por exemplo, é necessário pagar todas as parcelas em débito.

Dessa forma, quem está com nome sujo pode sim fazer um consórcio.

Quer saber como? Continue acompanhando!

Como quem tem nome sujo pode fazer consórcio?

Como já mencionamos, quem está com o nome sujo no mercado pode sim fazer um consórcio. 

Porém, se o seu nome está sujo, você provavelmente terá que garantir que pagará as mensalidades do consórcio. 

Isso pode ser feito por meio de um um comprovante de renda ou com a ajuda de uma pessoa que funcione como um devedor solidário.

Ou seja, que garanta o pagamento da mensalidade, caso algum mês você não consiga. 

Para a aprovação da carta de crédito, após a contemplação, geralmente as administradoras fazem uma análise do histórico de pagamentos do consumidor e das suas dívidas.

Sendo assim, não se preocupe!

Você pode sim fazer um consórcio com o nome sujo, visto que só ocorrerá essa análise do seu histórico, após você ser contemplado. 

Photo by @sitthiphong / freepik
Photo by @sitthiphong / freepik

Mas o mais importante: tente sempre manter suas mensalidades do consórcio e demais despesas em dia.

Como pagar as mensalidades do consórcio em dia?

Primeiro, é válido falar que cancelar um consórcio, antes do seu fim, não é muito recomendado. 

Isso porque podem ser cobradas multas de cancelamento e o valor não é ressarcido imediatamente. 

Mas, como manter as mensalidades em dia? Separamos algumas dicas de organização financeira para você!

1) Tente organizar suas dívidas e limpar o seu nome

Ter o nome limpo abre portas para uma vida financeira saudável e facilita diversas solicitações financeiras, como financiamento e cartão de crédito que você pense em fazer um dia. 

Para isso, é importante primeiro você organizar e conhecer todos os seus débitos existentes, que fizeram com que seu nome fosse sujo. 

Para consultar, você pode acessar o site do Serasa ou Boa Vista e consultar a situação do seu CPF. 

Na área de dívidas negativadas você consegue identificar quais são as dívidas e quais as empresas envolvidas, além de valor, contrato e outros. 

Após isso, é importante você tentar priorizar o pagamento de cada dívida, não precisa fazer isso de uma vez, você pode selecionar as que cabem no seu bolso no momento. 

Existem algumas opções que podem auxiliar nesse processo de negociação de dívidas:

  • Você pode buscar um acordo;
  • Contatar alguma empresa especializada em pagamento de dívidas, como a BLU365, QueroQuitar e Acordo Certo, e ver se existem ofertas de negociação de suas dívidas para você;

2) Tente guardar um pouco de dinheiro todos os meses

Após ter o seu nome limpo e estar com todas as suas dívidas quitadas, chegou o momento de você tentar poupar uma certa quantia de dinheiro todo mês.

Isso é essencial para que você não fique com o nome sujo novamente, ou seja, não contraia dívidas, e também consiga pagar as mensalidades do seu consórcio em dia.

É recomendado quem tem nome sujo fazer consórcio?

Em resumo, você pode sim fazer um consórcio com o nome sujo, mas, como dito anteriormente, você pode ficar com o crédito bloqueado até que a situação do seu nome seja regularizada. 

Além disso, para que você possa participar das assembleias e dos sorteios, você precisa estar com o pagamento das mensalidades em dia. 

Sendo assim, é recomendado que, antes de pedir um consórcio, você consiga ter sua situação regularizada ou que, pelo menos, você consiga garantir que irá conseguir pagar tudo até o final. 

Por: Roberta Franci

Fonte: Resolvvi

Comentários estão fechados.