Saiba como fazer a prova de vida digital pelo gov.br

O novo serviço é resultado do trabalho conjunto do STJ com o Ministério da Economia, por intermédio do programa Startup GOV.BR

A prova de vida, é um procedimento obrigatório para todos os segurados do INSS que recebem o pagamento por conta corrente, conta poupança ou cartão magnético.

Os segurados precisam comprovar que estão vivos para continuar recebendo os valores do INSS. Antes o segurado deveria comparecer pessoalmente a uma agência do banco pagador do benefício ou fazer o procedimento por procuração.

Mas recentemente o governo federal publicou uma portaria com mudanças nas regras de prova de vida para aposentados, pensionistas e outros beneficiários do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

E uma dessas mudanças é que agora a prova de vida para os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) não é mais presencial. 

Prova de vida 2022

A prova de vida em 2022 será feita com base no cruzamento de dados das plataformas do governo. Esse cruzamento de servirá para confirmar que o titular do benefício, nos dez meses posteriores ao seu último aniversário, realizou algum ato registrado em bases de dados próprias da autarquia ou mantidas e administradas pelos órgãos públicos federais.

Serão usados dados, como: votação em eleições; registro de transferências de bens; vacinação; consultas pelo Sistema Único de Saúde; ou renovação de documentos como RG, carteira de motorista ou passaporte.

Prova de vida digital pelo Gov.br

A prova de vida digital pelo GOV.BR já está disponível para magistrados aposentados e pensionistas de magistrados do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Além do STJ, o Tribunal Superior do Trabalho (TST), o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ), os estados de Goiás e da Bahia, a prefeitura de Recife, a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros do Distrito Federal também adotaram a funcionalidade, agilizando e tornando mais cômoda a prova de vida anual nesses órgãos.

Como fazer a prova de vida pelo gov.br?

A Prova de Vida digital é realizada no aplicativo gov.br através do reconhecimento facial. Ao realizar o reconhecimento facial, o aplicativo comprova que você está vivo e envia essa informação para o órgão que paga seus benefícios. Para isso, siga as orientações abaixo:

  1. Baixe e acesse o aplicativo gov.br;
  2. Caso ainda não possua sua conta gov.br, crie uma;
  3. Após logar no aplicativo, na tela inicial, em “Serviços”, clique em “Prova de vida”;
  4. Na tela “Histórico de Prova de vida”, selecione a “Prova de vida pendente”;
  5. Na tela “Autorização”, clique em “Autorizar”;
  6. Siga as instruções para fazer o reconhecimento facial;
  7. Após finalizar o reconhecimento facial com sucesso, clique em “OK”;
  8. Na tela de Autorização, o status da sua Prova de Vida mudará para “Autorizado”;
  9. Faça o acompanhamento da Prova de Vida pelo site do seu órgão pagador.

Dica Extra do Jornal Contábil: Compreenda e realize os procedimentos do INSS para usufruir dos benefícios da previdência social. 

Já pensou você saber tudo sobre o INSS desde os afastamentos até a solicitação da aposentadoria, e o melhor, tudo isso em apenas um final de semana? Uma alternativa rápida e eficaz é o curso INSS na prática

Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que você precisa saber para dominar as regras do INSS, procedimentos e normas de como levantar informações e solicitar benefícios para você ou qualquer pessoa que precise. 

Não perca tempo, clique aqui e domine tudo sobre o INSS.

Comentários estão fechados.