“Saque em processamento” do FGTS extraordinário. O que significa o aviso?

Ao consultar o FGTS extraordinário, cidadãos podem se deparar com o seguinte aviso: “Saque FGTS em processamento”. 

O saque extraordinário do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) segue sendo liberado pela Caixa Econômica Federal, aos mais de 42 milhões de brasileiros com direito ao resgate. 

O calendário de liberação dos saque ocorre de maneira escalonada conforme mês de aniversário do cidadão. Até o momento, já foram contemplados aqueles nascidos entre janeiro e março de 2022.  

Em relação ao direito ao resgate, basta que a pessoa possua saldo em alguma conta do FGTS, seja ela ativa (referente ao emprego atual) ou inativa (relacionada aos empregos anteriores. 

Segundo as normas de saque, somente ficarão impedidos de sacar os cidadãos que comprometeram o saldo em alguma operação de crédito, como é o caso dos trabalhadores que optaram pela antecipação do saque-aniversário. Isto ocorre pois os valores estão reservados ao pagamento do débito. 

A consulta da nova oportunidade de resgate dos recursos está liberada desde o dia 8 de abril, de modo que basta baixar o aplicativo  oficial do fundo e clicar na seção FGTS extraordinário. 

Acontece que muitos cidadãos têm ficado em dúvida ao se deparar com o seguinte aviso presente no app  “Saque FGTS em processamento”. Se este for o seu caso não há motivos para preocupação. 

Isto porque, o aviso basicamente significa que o depósito foi aprovado, todavia, ainda está em processamento, pois ainda não chegou dia de liberação referente ao seu mês de aniversário. Ou seja, basta aguardar até a data em que os recursos serão liberados. 

Calendário do FGTS extraordinário 

Confira o cronograma de liberação do saque extraordinário e saiba o dia exato em que você receberá o dinheiro, conforme o seu mês de nascimento. 

Mês de nascimentoData de liberação
Abril11 de maio
Maio14 de maio
Junho18 de maio
Julho21 de maio
Agosto25 de maio
Setembro28 de maio
Outubro01 de junho
Novembro08 de junho
Dezembro15 de junho

Ps: Vale lembrar que cidadãos nascidos em janeiro, fevereiro e março já contam com a disponibilidade dos recursos. 

Quem perdeu a data não poderá sacar mais?

Sobre essa questão, indo direito ao ponto, o trabalhador ainda poderá resgatar mesmo que tenha perdido a data inicial. A data é apenas o dia em que os recursos passarão a estar disponíveis, ou seja, a partir daquele respectivo dia o cidadão poderá sacar. 

Por sua vez, existe um prazo limite para retirada, mas ainda sim o período é longo. Nesta linha, o dinheiro poderá ser resgatado até 15 de dezembro de 2022, por todos os grupos, ou seja, independente do mês de nascimento. 

Saque de até R$ 1 mil 

Quem acompanha o assunto nos portais de notícias e informação, já sabe que o recurso é limitado ao valor de R$ 1 mil. Isto quer dizer que ninguém poderá retirar valores acima desta quantia. 

No caso dos cidadãos que possuem um saldo inferior a R$ 1 mil, o resgate será integral, ou seja, poderá ser retirado todo valor presente na conta do FGTS.

Comentários estão fechados.