Três formas de antecipar o auxílio emergencial e FGTS no Caixa Tem em 2021

0

Três formas serão possíveis para antecipar o auxílio emergencial que está disponível para saque em janeiro, e também o FGTS no Caixa Tem.

O aplicativo foi criado pela Caixa Econômica Federal (CEF) que as pessoas não tinham conta bancária conseguissem ter acesso aos benefícios sociais (como Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, auxílio emergencial e BEm – Benefício Emergencial). Através do Caixa Tem será possível solicitar saques e fazer transferências para qualquer conta bancária gratuitamente.

Entretanto, para sacar os valores será preciso esperar as datas em que será permitido pelo governo federal. Os calendários de pagamento liberam o dinheiro no dia do aniversário do beneficiário. Geralmente, pode demorar para disponibilizar o saldo de contas do FGTS, por exemplo.

Para quem deseja ter o dinheiro antes de ser liberado pelo calendário de saque, e também não enfrentar filas bancárias, poderão contar com três formas de retirar o dinheiro do aplicativo Caixa Tem:

Como tirar o dinheiro do Caixa Tem antes da data?

1 – Transferência para uma conta digital utilizando boleto

A pessoa que possuir alguma conta digital como Nubank, Banco Inter, Mercado Pago, PicPay, Recarga Pay, terá mais facilidade para ter acesso ao dinheiro, gerando um boleto no aplicativo dessas instituições financeiras e pagá-lo usando o saldo do Caixa Tem. Sendo que no Caixa Tem só é permitido realizar pagamentos de até R$ 600,00 por vez. O valor é transferido em até dois dias úteis. Depois, pela conta digital será possível sacar em um Banco24Horas.

2 – Transferência pelo cartão de débito virtual

Também será possível criar um cartão de débito virtual no aplicativo Caixa Tem e por meio do aplicativo GuiaBolso adicionar os dados do cartão gerado na Caixa e depois fazer a transferência do dinheiro. Lembrando que a funcionalidade de transferência por cartão de débito virtual também é oferecida pelo Santander, Bradesco, Banco do Brasil, C6 Bank, Banco Inter e Sicredi.

3 – Compras por meio do cartão de débito virtual

Uma outra forma para o trabalhador movimentar o saldo do Caixa Tem será gerando o cartão de débito virtual para compras na internet ou gerar um QR Code para pagamentos presenciais em maquininhas de cartão que encontra em lojas (supermercados, farmácias e etc).

Tudo bem, essa não é uma forma de saque, mas garante o acesso direto e fácil ao dinheiro de benefícios do auxílio emergencial e FGTS antes da data de saque.

Edição por Jorge Roberto Wrigt Cunha – jornalista do Jornal Contábil