Você sabe o que é a declaração GFIP?

0

A GFIP tem o objetivo de facilitar a vida do funcionário e manter o bom funcionamento do negócio.

No conteúdo de hoje vamos esclarecer um  pouco mais sobre este assunto. Acompanhe 

GFIP 

A sigla GFIP quer dizer “Guia de recolhimento do FGTS e Informações à Previdência Social” . 

O mesmo trata-se de um documento de arrecadação do FGTS e de informações à Previdência Social, este documento contém dados relativos ao contrato de trabalho, juntamente ao vínculo da empresa com o funcionário e remunerações geradas pelo SEFIP, que é um aplicativo desenvolvido pela Caixa Econômica Federal.

Objetivo da GFIP 

Resumindo o que foi explicado acima, a GFIP é um meio de comprovação dos benefícios concedidos pelo INSS, logo ele é muito importante, pois, o funcionário da sua empresa poderá requerer essa guia. 

Agora que você já sabe do que se trata este documento, vou esclarecer qual o objetivo da declaração da GFIP. Veja! 

  • As informações sobre a jornada dos trabalhadores estará apenas em um lugar, uma vez que isto economiza tempo na busca por dados; 
  • Facilidade para acessar os dados da empresa e dos seus funcionários à Previdência Social;
  • Faz com que a empresa seja responsável por comprovar o tempo de contribuição e salários recebidos, logo retira esta obrigação do trabalhador;
  • Faz com que haja uma individualização do recebimento dos valores recolhidos ao FGTS, fazendo com que os valores seja depositado separadamente para os funcionários; 
  • Segurança para que o funcionário tenha todas as suas informações relacionadas à previdência, para que o mesmo faça jus aos benefícios. 
Designed by @pressfoto / freepik
Designed by @pressfoto / freepik

Qual é a importância da GFIP?

Este confirma todas as remunerações recebidas pelo funcionário e também comprova também o seu tempo total de contribuição.

Quem precisa entregar a GFIP?

Os negócios que precisam entregar a GFIP mensalmente precisam cumprir alguns requisitos, veja!

  • Ter a necessidade de comprovar o vínculo com o funcionário ou salário paga aos mesmos;
  • Necessidade de recolher o FGTS dos seus funcionários. 

O que deve constar na declaração GFIP?

Vamos listar abaixo, os dados que constam nela, veja: 

  • Informações relacionadas ao negócio;
  • Valor que serão pagos ao INSS;
  • Dados e informações sobre o funcionário;
  • Salário bruto do funcionário.
  • Ocorrências responsáveis por gerar a GFIP;
  • Recolhimentos referente ao FGTS;

Dica Extra do Jornal Contábil: Você gostaria de trabalhar com Departamento Pessoal?

Já percebeu as oportunidades que essa área proporciona?

Conheça o programa completo que ensina todas as etapas do DP, desde entender os Conceitos, Regras, Normas e Leis que regem a área, até as rotinas e procedimentos como Admissão, Demissão, eSocial, FGTS, Férias, 13o Salário e tudo mais que você precisa dominar para atuar na área.

Se você pretende trabalhar com Departamento Pessoal, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um profissional qualificado.

Por Laís Oliveira