Não conseguiu contratar o crédito do Caixa Tem? Saiba o que fazer

Recentemente, a Caixa lançou um programa com créditos de até R$ 1 mil, os quais podem ser contratados diretamente pelo celular. 

Na última segunda-feira (28), a Caixa Econômica Federal lançou duas linhas de crédito, destinadas a pessoas físicas e jurídicas. Os empréstimos ofertados são limitados a R$ 1 mil, entretanto, no caso de pequenos empreendedores esse valor sobe para R$ 3 mil. 

Um dos grandes atrativos da novidade é a possibilidade de contratar os créditos, mesmo estando com nome sujo na praça. A ideia do banco, é facilitar o acesso a este grupo, frente a dificuldade que negativados possuem para obter este tipo de serviço. 

Desta maneira, entende-se que o único critério é possuir uma conta no aplicativo Caixa Tem, que por sua vez, é o meio para contratação do empréstimo. Contudo, alguns usuários podem não estar conseguindo acessar o novo crédito, pois, ainda não atualizaram seu cadastro. 

Nesta linha, para viabilizar a contratação e aproveitar os recursos do aplicativo, é preciso realizar a atualização cadastral. O referido procedimento é gratuito e pode ser feito de maneira simples e prática.

Como atualizar o cadastro no Caixa Tem?

Para realizar a atualização cadastral, basta acessar o aplicativo e seguir o passo a passo indicado abaixo: 

  1.  Abra o app Caixa Tem;
  2. Informe seu CPF e senha cadastrada, ou biometria; 
  3. Selecione a opção “Atualize seu Cadastro”;
  4. Clique em “Entendi, vamos começar”; 
  5. Siga as orientações de preenchimento de suas informações pessoais e de renda; 
  6. Confirme os dados informados;
  7. Valide seu documento de identificação (RG, CNH, etc.), seguindo as orientações mostradas na tela. 

Valor e condições do empréstimo

O valor do empréstimo, bem como as condições de crédito, serão diferentes a depender do perfil do interessado. Neste sentido, há duas categorias ofertadas, uma destinada a pessoas físicas e outra voltada ao MEI (microempreendedor individual). Confira: 

  • Empréstimo para pessoas físicas: para estes, é possível contratar créditos de até R$ 1.000, os quais podem ser parcelados em 24 vezes, com juros a partir de 1,95%, ao mês; 
  • Empréstimo para o MEI: no caso dos microempreendedores, o limite do crédito sobe para R$ 3 mil, os quais podem ser parcelados em 24 vezes, com juros a partir de 1,99%, ao mês. 

Outra diferenciação importante, é que inicialmente apenas pessoas físicas podem contratar digitalmente via Caixa Tem. No caso dos pequenos empreendedores, será preciso solicitar pessoalmente em alguma agência do banco, de modo que é necessário possuir uma conta junto a Caixa. 

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.