13°C 28°C
Uberlândia, MG
Publicidade

Conheça a classificação internacional que auxilia no diagnóstico de câncer de mama

Conheça a classificação internacional que auxilia no diagnóstico de câncer de mama

18/01/2023 às 16h23 Atualizada em 18/01/2023 às 19h23
Por: Gabriel Dau
Compartilhe:

Com mais de 66 mil diagnósticos positivos em 2022 no Brasil, o câncer de mama é a doença com maior incidência entre as mulheres no mundo. O Sistema Único de Saúde (SUS) conta com a mamografia como sua principal ferramenta de rastreio e diagnóstico imaginológico das lesões mamárias. O BI-RADS, sigla para a expressão que, em inglês, significa Breast Image Reporting and Data System, trata-se de uma classificação que padroniza os relatórios mamográficos, dando mais confiabilidade nos laudos e trazendo mais segurança aos pacientes.

Cientificamente, a métrica também garante a comparação de resultados para futuros estudos clínicos. O BI-RADS prevê categorias de 0 a 6 na descrição dos achados dos exames radiológicos, como nódulos. De acordo com a oncologista clínica Fernanda Cesar Moura, a padronização internacional ajuda na tomada de decisão, pois conforme a gradação, o paciente pode ter como recomendação o rastreamento de rotina, controle em curto prazo, indicação de biópsia ou, até mesmo, o encaminhamento para complementação com outro exame de imagem, além de excisão cirúrgica, quando apropriado.

“Essa sistemática facilitou a comunicação entre o médico radiologista e o especialista. Com a classificação em mãos após o exame de imagem, o médico irá definir se existe a necessidade de realizar outro exame para determinar o diagnóstico”, explica Fernanda. A classificação ajuda a padronizar as condutas médicas.

Leia mais: Incidência do câncer de mama vem crescendo no mundo todo

Quando realizar a mamografia?

O Ministério da Saúde recomenda que, na população geral sem fatores de risco, a mamografia seja feita a cada 2 anos, na idade entre 50 e 69 anos. Mulheres que apresentam risco aumentado de câncer de mama, necessitam de um rastreamento especial, orientado pelo médico especialista.

Conheça as seis categorias BI-RADS:
  • 1 - Sem achados;
  • 2 - Achados benignos;
  • 3 - Achados provavelmente benignos;
  • 4 - Achados suspeitos de malignidade;
  • 5 - Achados altamente suspeitos de malignidade;
  • 6 - Achados já com diagnóstico de câncer¹;
  • 0 - Incompleta ou não conclusiva.

Para saber mais, acesse a cartilha "Câncer de mama: vamos falar sobre isso?" ou o documento "Parâmetros técnicos para detecção precoce do câncer de mama", ambos do Instituto Nacional de Câncer - INCA/MS.

Fonte: Ministério da Saúde

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
26°
Tempo limpo

Mín. 13° Máx. 28°

25° Sensação
4.12km/h Vento
27% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h43 Nascer do sol
05h54 Pôr do sol
Qui 28° 14°
Sex 29° 15°
Sáb 30° 16°
Dom 31° 17°
Seg 32° 18°
Atualizado às 17h06
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,66 +1,18%
Euro
R$ 6,13 +1,03%
Peso Argentino
R$ 0,01 +1,58%
Bitcoin
R$ 393,780,61 -0,49%
Ibovespa
126,422,73 pts -0.13%
Publicidade
Publicidade